Porquê escolher morar em Portugal?


GPW Invest – 04 Maio 2018

Portugal quer ser conhecido como o país que, a nível europeu, acolhe e integra os que vêm de outro país e esta é uma das prioridades de ação do governo português. É por isso que um ministro do governo de Portugal manifestou uma expectativa que começa a ser percetível nos vários rankings e relatórios internacionais que avaliam os diferentes países.

Num dos mais recentes, o relatório anual da InterNations – grupo que reúne três milhões de pessoas que optaram por viver fora do seu país de origem – Portugal ocupa o 5º lugar como o melhor destino para estrangeiros. As grandes vantagens apontadas para o país são o fato de ser fácil se acostumar com a cultura local, a sensação de estar em casa e a facilidade de instalação.

Mas estes não são os únicos atributos do país. Há muitos outros que fazem de Portugal uma boa opção para viver e investir. Se você ainda tiver dúvidas, conheça todas as atrações deste país europeu.

Hospitalidade reconhecida

Os portugueses são especialmente conhecidos pela forma hospitaleira e amigável em que recebem aqueles que vêm do exterior. Se o relatório da InterNations se refere ao facto de os estrangeiros se sentirem em casa, outro ranking diz que Portugal ocupa o 25º lugar entre 149 estados como um dos países mais felizes do mundo. Esta é a conclusão do 2017 Prosperity Index, divulgado pelo Legatum Institute, com sede em Londres, que mede fatores como saúde, segurança, educação ou liberdade pessoal. Essa felicidade é mostrada na maneira como eles se importam em receber bem. Acostumados a receber turistas – que cresceram consideravelmente nos últimos anos – a língua dificilmente será um obstáculo, já que os portugueses são conhecidos por sua fluência em vários idiomas, nomeadamente inglês, espanhol e francês.

Segurança e Qualidade de Vida

Safety and Quality of LifePortugal é um dos países mais seguros do mundo. Seja para passar as férias, aproveitar a aposentadoria ou investir, é uma boa opção para a tranquilidade que oferece. Segundo o Global Peace Index de 2017, Portugal é o terceiro país mais pacífico do mundo depois da Nova Zelândia e da Islândia.

A segurança é aliada à qualidade de vida. Para quem não quer morar nas grandes cidades, o país oferece uma rede de pequenas cidades com boa infraestrutura e sem o estresse dos grandes centros urbanos.
A boa rede rodoviária que cobre todo o país facilita o encurtamento das distâncias, colocando o campo, a praia e a cidade a apenas algumas horas de distância.
Um dos fatores que ajudam a qualidade de vida é, sem dúvida, o clima, com temperaturas amenas em comparação com a maioria dos países europeus.

Estabilidade política

Politicamente, Portugal desfrutou de grande estabilidade, um fator que permaneceu mesmo quando o país passou por tempos difíceis financeiramente. A capacidade de encontrar soluções políticas políticas – o caso do atual governo – contrasta com os outros países europeus, onde foi necessário re-consultar os eleitores para encontrar uma solução do governo. Este é um fator crucial para quem escolhe Portugal para viver ou investir. Além disso, Portugal faz parte da União Europeia, da Zona do Euro e faz parte do Espaço Schengen, o que significa que aqueles que têm acesso a residir no país também têm espaço aberto de circulação e comercialização nos países que fazem parte do Espaço Schengen. EU.

Sistema tributário atraente

Para atrair investidores, profissionais qualificados ou estrangeiros aposentados, Portugal criou um regime especial para o residente não habitual que prevê um regime fiscal especial por 10 anos. Este esquema permite, por exemplo, que os profissionais com atividades de alto valor agregado paguem uma taxa reduzida de imposto de renda (o chamado IRS) de 20% e que os aposentados estejam mesmo isentos desse imposto. Prova disso são os números de estrangeiros que escolhem o país para morar. Em 2017, o número de autorizações de residência aumentou 19% em Portugal, em comparação com o ano anterior.

Diversidade de ativos para investir

Para quem procura alternativas de investimento, pelas várias razões já enumeradas, mas também pela riqueza e diversidade do património, Portugal é um bom destino de investimento. Além da rentabilidade que pode ser obtida através do investimento em imóveis, este tipo de investimento também dá direito a uma autorização de residência no país quando o dinheiro investido é igual ou superior a 500 mil euros. O mesmo se aplica àqueles que transferem capital no valor de 1 milhão de euros ou mais ou criam pelo menos 10 empregos. Para quem decide abrir uma empresa em Portugal ou até investir em empresas portuguesas, um dos pontos a favor é certamente os recursos humanos qualificados e com custos médios muito inferiores aos de muitos países europeus.

Património com uma longa história

Para os amantes da cultura e que valorizam a história, Portugal tem muitas atrações. Com as fronteiras mais antigas da Europa, o país tem nove séculos de história e até foi um dos maiores impérios marítimos do mundo. Com a fase da descoberta, iniciada no século XV, Portugal deu novas fronteiras ao mundo e trouxe para a Europa e para as suas fronteiras uma grande diversidade de bens e culturas. Toda essa riqueza cultural é visível no patrimônio histórico e arquitetônico que está bem preservado em todo o país. Mais de 400 museus nacionais são cada vez mais procurados por estrangeiros, e o Museu Nacional dos Coches é um exemplo do ex-libris do país.

Rica gastronomia

Rich gastronomySe você já esteve em Portugal ou tem amigos portugueses, você sabe que um dos assuntos mais populares na mesa é … comida. É verdade, os portugueses adoram um bom prato e têm uma gastronomia muito rica. Os bons pratos de carne são acompanhados pela variedade de peixes e crustáceos capturados em uma longa costa que cobre o país. Mas há também os doces, que têm o bolo de creme como ex-libris, ou os vinhos, onde existe o vinho internacionalmente conhecido do Porto.
Do norte ao sul do país, há muitos pratos e iguarias para experimentar, em uma grande oferta de restaurantes onde você pode comer bem sem que isso seja sinônimo de uma conta muito alta.
Os mais exigentes têm à sua disposição 23 restaurantes Michelin.


Poupe em impostos mudando-se para Portugal. Contate a GPW!


Blog GPW
2021 © PT

GPW Invest | Todos os direitos reservados | Esta página usa cookies

| Web design: Estreia
PT
2021 © PT
GPW Invest | Termos Legais
Entrar em Contacto
Entrar em Contacto
maisSuíça
Telefone +41 61 225 4211
info@gpwconsulting.com
maisPortugal
pt@gpwconsulting.com